Rainer Maria Rilke: Não creia que aquele que agora o consola vive...

Rainer Maria Rilke: Não creia que aquele que agora o consola vive...

Não creia que aquele que agora o consola vive
despreocupado entre as palavras simples e brandas
que às vezes lhe fazem bem. A vida dele tem muitas
dificuldades e tristezas e é talvez pior que a sua.
Fosse de outra maneira, ele nunca teria sido capaz
de achar aquelas palavras.

Veja também