Milan Kundera: "Os amores são como impérios: desaparecendo...

Milan Kundera: "Os amores são como impérios: desaparecendo...

"Os amores são como impérios: desaparecendo a IDÉIA sobre a qual foram construídos, morrem junto com ela."

Veja também