Jack Kerouac: Não é verdade que você começa a vida como uma...

Jack Kerouac: Não é verdade que você começa a vida como uma...

Não é verdade que você começa a vida como uma criancinha crédula sob a proteção paterna? E então chega o dia da indiferença, em que o cara descobre que é um desgraçado, um miserável, fraco, cego e nu, e com a aparência de um fantasma fatigado e fatídico avança trêmulo por uma vida de pesadelo.

Veja também