Honoré de Balzac: Os grandes erram sempre ao brincar com os seus...

Honoré de Balzac: Os grandes erram sempre ao brincar com os seus...

Os grandes erram sempre ao brincar com os seus inferiores. A brincadeira é um jogo, e um jogo pressupõe igualdade.

Veja também