Gustave Flaubert: Por que nos conhecemos? Por que o acaso o quis?...

Gustave Flaubert: Por que nos conhecemos? Por que o acaso o quis?...

Por que nos conhecemos? Por que o acaso o quis? Foi porque através da distância, sem dúvida, como dois rios que correm a unir-se, nossas inclinações particulares nos impeliram um para o outro.

Veja também