Daphne du Maurier: Se ao menos houvesse uma invenção que...

Daphne du Maurier: Se ao menos houvesse uma invenção que...

Se ao menos houvesse uma invenção que engarrafasse uma memória, como aroma. E que nunca esmaecesse, nunca azedasse. E que, se a pessoa quisesse, poderia desarro...

Veja também